Instituto Bia Dote realiza palestras para alunos de Aquiraz

Na manhã da última terça-feira, 12 de fevereiro de 2019, representantes do Instituto Bia Dote realizaram palestra cuja temática foi Prevenção ao Suicídio.
Este ano, os alunos da escola EMEF Ernesto Gurgel Valente foram contemplados a participar da palestra proferida pela psicóloga Priscila Santos, no auditório da Casa do Saber Justiniano de Serpa.

Em 2018, o Instituto Bia Dote havia realizado palestras educativas e de conscientização na escola EMEF. Plácido Castelo, localizada na Tapera.

A psicóloga Priscila esclareceu aos jovens sobre mitos e verdades relacionadas ao comportamento suicida, quais as características e fatores de risco, e sobre a importância de ouvir e falar sobre o assunto como forma de ajudar quem precisa.

O evento também é um compromisso da prefeitura de Aquiraz, junto ao Ministério Público do Estado do Ceará, que tem por objetivo promover o “Projeto Vidas Preservadas” que foi lançado em setembro de 2018, junto com a Campanha Setembro Amarelo.

O “Projeto Vidas Preservadas’ visa sensibilizar, criar espaços para o diálogo, capacitar e impulsionar políticas públicas que busquem trabalhar as causas do suicídio.

SOBRE O INSTITUTO BIA DOTE
O Instituto, localizado em Fortaleza – Ceará, trabalha com a prevenção ao suicídio e valorização da vida, promovendo espaços de acolhimento, suporte psicológico e trocas de experiências. Tem por objetivo também dar visibilidade, debater, desmistificar e conscientizar sobre o tema do suicídio junto à sociedade.
É preciso olhar para o que não é dito.

SOBRE O “PROJETO VIDAS PRESERVADAS”
De iniciativa do Ministério Público do Estado do Ceará, o presente projeto se destina, em especial, a conscientizar a sociedade cearense e os seus gestores públicos (estaduais e municipais) para a importância da prevenção ao fenômeno social do suicídio.

DADOS E ESTATÍSTICAS
No Brasil, mais de 11.000 (onze mil) pessoas tiram a própria vida anualmente, havendo maior taxa de mortalidade nas mesmas faixas etárias acima citadas e nalguns grupos específicos, tais como: os indígenas, idosos, os surdos e o público LGBT.

Na região Nordeste do Brasil houve um aumento de 51,7% dos casos de suicídio, segundo o Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde – DATASUS.

No Ceará, apenas nos últimos 05 (cinco) anos, aproximadamente 3.000 (três mil) pessoas tiraram sua própria vida, o que fez com que o referido Estado ocupasse o 5º (quinto) lugar no ranking nacional do período 2011-2015.

Se computada tão somente a população até os 30 anos de idade, o Ceará já aparece como 2º. (segundo) Estado com maior número de casos.

A Organização Mundial da Saúde – OMS estima, inclusive, que as tentativas de suicídio sejam cerca de 20 (vinte) vezes mais frequentes do que o suicídio consumado, bem como, para cada tentativa de suicídio oficialmente registrada, existem, pelo menos, 4 (quatro) tentativas não registradas.

Fonte: Instituto Bia Dote, Secretaria de Educação de Aquiraz, Ministério Público do Estado do Ceará.

Para mais Informações acesse:
http://institutobiadote.org.br
http://vidaspreservadas.mpce.mp.br

Secretaria de Educação de Aquiraz
(85) 4062-8090

DEIXE UMA RESPOSTA